O Morro dos Ventos Uivantes

Com o nome original “Wuthering Heights”, em português “O Morro dos Ventos Uivantes” é um clássico da literatura inglesa – e mundial, após tanto sucesso. Foi a primeira e última grande obra da polêmica escritora inglesa Emily Jane Brontë. Ao ser lançado no ano de 1827, o livro foi mal compreendido pela população local na época, e Emily acabou optando por utilizar um pseudônimo masculino. Com o passar do tempo, a obra tornou-se de fato um grande sucesso em todo o globo, ganhando diversas traduções e versões para televisão e cinema, além de inspirar uma famosa canção com o nome do livro, composta e interpretada em 1978 por Kate Bush, sendo regravada posteriormente pela banda de rock brasileira Angra. Com um cenário tempestuoso, misterioso e sombrio, encontra-se uma estória de amor e vingança, num dos romances mais queridos e apaixonantes já vistos. Cada personagem possui seu lado bom e ruim – como é o ser humano na vida real –, não sendo possível definir bem a linha que separa os vilões dos heróis.

O Morro dos Ventos Uivantes

Foto: Reprodução

Curiosidade despertada

A história se inicia com a chegada de Sr. Lockwood à Fazenda Thrush Cross na condição de inquilino. A propriedade pertencia ao Sr. Heathcliff, e, por cortesia, Lockwood decide subir aos Morros Uivantes para visita-lo. Chegando lá o encontra juntamente com um rapaz e uma moça, sem conseguir entender que tipo de ligação eles poderiam ter. Sua curiosidade aumenta a cada dia que passa, e ele é movido a perguntar para a governanta, Nelly, sobre essas pessoas. No início do livro, Lockwood é o narrador, e a partir desse momento a estória passará a ser narrada por Nelly.

Nelly vive com a família desde que era criança, sabendo tudo o que havia se passado ali, embora não tivesse condições de interferir nos acontecimentos. Ela conta que, certa vez o Sr. Earnshaw, o patriarca, havia trazido para casa um menino que encontrou em situação de abandono na rua (não fica claro qual de fato era a procedência do garoto, mas subentende-se que ele antigamente estava com ciganos). O garoto era Heathcliff. O Sr. Earnshaw possuía mais dois filhos: Catherine e Hindley. Os cuidados, carinhos e amor paterno dedicados ao garoto vindo da rua provocaram ciúmes em Hidley, fazendo-o nutrir inveja e ódio por Heathcliff; enquanto isso, sua irmã se identificava com ele cada vez mais, tratando-o com muito afeto e nutrindo por ele até certa adoração.

O sofrimento da juventude

Quando os pais morrem, Hindley faz de tudo para prejudicar Heathcliff, tornando-o um trabalhador braçal e impedindo sua educação. Furioso com a amizade entre o inimigo e sua irmã, ele a faz envolver-se com os Lintons – uma rica família que vivia na Fazenda Thrush Cross e era muito respeitada por todos. Edgar, filho dos Lintons, começou a interessar-se por Catherine e acaba provocando ciúmes em Heathcliff, que assiste tudo distante e enciumado.

Heathcliff perde o chão quando descobre que Edgar pediu Catherine em casamento e ela aceitou. Como se o sofrimento não lhe bastasse, o rapaz escuta sua amada dizer para a governanta que escolheu Edgar apenas por achar que casar-se com Heathcliff estragaria seu status e reputação perante a sociedade, já que ele não era um cavalheiro. Nesse momento, palavras são insuficientes para expressar a mágoa de Heathcliff, que prontamente vai embora do Morro dos Ventos Uivantes.

Durante o tempo que esteve longe, o rapaz conquistou sua fortuna, investiu em sua educação e tornou-se um verdadeiro cavalheiro. Ao mesmo tempo, perdeu a sensibilidade e compaixão, transformando-se em alguém movido por ódio e vingança. Decide voltar para o Morro dos Ventos Uivantes e deixa Catherine em completa indecisão, afinal, agora o homem que ela havia amado era tão cavalheiro e desejável quanto seu marido. Ela não consegue se decidir entre eles, desejando ter os dois e vivendo num túnel emocional com o qual ela não consegue lidar. Grávida de Edgar, ela dá à luz uma filha que levaria o seu nome, e então morre.

Plano de vingança em ação

Revoltado e totalmente arrasado com a morte da mulher que tanto amara, Heathcliff declara guerra contra todos os que tentaram lhe separar de Catherine, prometendo executar a mais cruel das vinganças. O primeiro passo foi ter um caso com Isabella Linton, irmã de Edgar, gerando nela um filho. Posteriormente, Heathcliff destrói Hindley, toma para si os Morros Uivantes e trata Hareton, filho de Hindley, da mesma forma que por ele havia sido tratado durante tantos anos.

Com o passar dos anos, Heathcliff força Catherine, filha de seu rival, a casar-se com seu filho com Isabella, apoderando-se assim da Fazenda Thruss Cross. Por fim, Heathcliff morre e Catherine acaba casando-se com outro rapaz, chamado Hareton, conseguindo finalmente ser feliz e encerrar a vingança da qual fora vítima por tantos anos.